olá, forasteiro

Que curioso: quando acabei de digitar o último O no título desse post e ia começar a redigir este texto, uma pessoa me deu um OIE num popular aplicativo de bate-papo, fazendo meu celular zunir sobre a cama.

Enfim.

Buenas, olá.

Como são grandes as chances de essa ser a primeira vez que você vem por aqui, posto que essa é a primeira vez em que faço propaganda do meu blog desde comecei a escrever nele, em janeiro, fiz uma pequena seleta de textos que publiquei em silêncio nos últimos seis meses por aqui.

  1. Disclaimer
  2. Micro Reviewing #1
  3. Azar
  4. O caçador de estrelas
  5. Micro Reviewing #2
  6. Tirando o chapéu
  7. Só pra registrar
  8. Meu Crack

Mas sinta-se à vontade para ignorar completamente esses links e também todos os demais textos contidos nesta plataforma, como também para sair por aí explorando a graforreia do amigo em busca de distração, estalos mentais e irritação.

DIDS DIDS DIDS

Disclaimer

Pode parecer estranhíssimo o cara resolver, em pleno 2017, voltar a escrever num blog. Nem vou perder meu tempo tentando explicar porque a verdade é que nem eu mesmo entendi bem. Só sei que senti falta de escrever e publicar as coisas que me dão vontade por conta própria, então eis-me aqui.

Não deve ter nada de muito diferente dos blogs que mantive ao longo dos anos, exceto por um detalhe importante: os comentários. Resolvi bani-los inteiramente.

Primeiro porque 90% deles seriam SPAM. Sei disso porque fiquei seis meses em fase de testes aqui e, mesmo sem nenhuma divulgação, tive mais de 500 comentários – todos eram SPAM.

Segundo porque ando com saudades de receber e-mails, e imaginei que retroceder brutalmente ao tempo da sessão de cartas pode ser uma maneira de forçar as pessoas a escreverem para mim quando lerem algo que gostam ou que não gostam aqui. A ver se a tentativa cola.

No mais, é isso aí, meus queridos.